Japão suspende a importação de queijo mussarela da Itália

A Coréia do Sul e os outros países da União Européia já haviam decidido pela suspensão devido a suspeita de contaminação

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O Japão decidiu interromper as importações do queijo mussarela da Itália, devido ao fato de terem sido encontrados amostras com altos níveis de toxinas cancerígenas.

Desde janeiro, há a preocupação de que rebanhos de búfalos, cujo leite é utilizado na produção do alimento, tenham ingerido as toxinas ao beberem água contaminada pelo despejo ilegal de lixo.

O país asiático decidiu pela suspensão na última quarta-feira (26) e irá mantê-la até que tenha mais informações sobre o caso.

Outras suspensões

Aprenda a investir na bolsa

Além do Japão, a Coréia do Sul e outros países da União Européia suspenderam as importações. A Itália terá que provar, até a terça-feira (01), que o queijo é seguro para ingestão e está livre de contaminação.

O país europeu produz 33 mil toneladas de mussarela por ano, sendo que 16% disso é exportado para outros países. O Japão é responsável pela compra de 329 toneladas desse produto.