Japão retoma as atividades antiterroristas no oceano Índico

Navio do país asiático irá abastecer embarcações de outros países que estejam combatendo o terrorismo no Afeganistão

SÃO PAULO – O Japão retomou as suas atividades de reabastecimentos no oceano Índico, como parte de suas ações antiterroristas. Isso ocorre após quatro meses da interrupção desse serviço.

No fim de janeiro, o navio Oumi, da Força Marítima de Auto-Defesa do Japão, deixou o país escoltado por outro navio, o Murasame. Cerca de 340 pessoas estão envolvidas na missão.

Reabastecimentos de embarcações

Na semana passada, o Oumi realizou o abastecimento de um navio paquistanês. Além das embarcações provenientes desse país, o Japão também irá prover combustível para navios dos Estados Unidos, Reino Unido, Canadá, França e Alemanha.

PUBLICIDADE

Todos as embarcações que são abastecidas participam das ações antiterroristas, por meio da interceptação de navios suspeitos de estarem ligados com o terrorismo no Afeganistão e nos países próximos.

Porém, a missão japonesa enfrenta diversas críticas no próprio país, além das suspeitas de que o combustível esteja sendo usado na guerra do Iraque.