Japão realizará teste de sistema antimíssil em dezembro

Governo do país anunciou que teste com o antimíssil Kongo, será feito em cooperação com a marinha americana

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – O ministério da defesa do Japão irá conduzir um teste com o mais novo míssil de defesa balística em dezembro. A ação faz parte dos planos de desenvolver o primeiro sistema de defesa marítimo da nação.

Fontes oficiais do ministério afirmaram que o míssil guiado estará nas águas do Havaí no ultimo mês do ano, para um exercício de interceptação de mísseis utilizando o sistema Standard Missile-3. O exercício será realizado em cooperação com a marinha dos Estados Unidos.

Antes do teste, o antimíssil Kongo já estará com o Aegis, sistema de defesa aérea, pronto e compatível com o sistema SM-3. Esse será o primeiro destróier capaz de abater um míssil fora da atmosfera terrestre, a uma altitude de 100 km.

Programa de defesa japonês

PUBLICIDADE

Devido ao lançamento de mísseis pela Coréia do Norte em julho de 2006, o Japão iniciou, em março deste ano, a criação do sistema de defesa Patriot Advanced Capability-3.

No teste que será feito no Havaí, Kongo irá interceptar mísseis lançados pela marinha dos Estados Unidos da ilha de Kauai, a centenas de quilômetros. Após o teste, o destróier retorna ao Japão para as últimas mudanças.

De acordo com o ministério da defesa japonês, o sistema de segurança em desenvolvimento será capaz de proteger todo o país.