Japão quer abolir terno e gravata em benefício do meio ambiente

Objetivo é utilizar menos o ar-condicionado. Primeiro-ministro deu início à campanha, usando camisa tropical em reunião

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O governo japonês que abolir o uso do terno e gravata como uma forma de beneficiar o meio ambiente. Isso porque acredita-se que a medida diminuiria o uso do ar-condicionado.

Na última terça-feira (2), o primeiro-ministro japonês, Taro Aso, se reuniu com o gabinete ministerial, sendo que todos usavam camisas tropicais, da região de Okinawa, no país asiático.

Campanha

Com isso, Aso inaugurou a campanha “cool-biz”, que durará de junho a setembro, quando é verão no Japão. Nesse período, a ação pedirá que os japoneses deixem de lado o terno e a gravata.

Aprenda a investir na bolsa

A camisa usada pelo primeiro-ministro foi um presente do governador de Okinawa.