Japão não irá mudar política monetária para conter inflação

Segundo o membro da comissão de política do BoJ (Banco do Japão), isso poderia afetar de forma negativa a economia

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O integrante da comissão de política do BoJ (Banco do Japão), Seiji Nakamura, negou nesta quinta-feira (26) que a entidade irá mudar a sua política monetária para tentar diminuir o avanço da inflação.

Porém, Nakamura considerou que o cenário econômico é incerto, devido à inflação mundial e ao baixo crescimento econômico. Ele também afirmou que o sólido crescimento de países emergentes irá prevenir um sério ajuste na economia.

Inflação no Japão

Considerando a elevação de preços no Japão, o membro do banco disse que a inflação deverá atingir 1,5% em pouco tempo. Mas, para ele, se a entidade tentar conter esse avanço, a economia poderá sofrer conseqüências ruins.

Aprenda a investir na bolsa

Nakamura também afirmou que o BoJ precisa avaliar como a inflação em outros países pode afetar e pressionar os preços no Japão, onde o aumento atingiu 1,2% em março, o maior índice em uma década.