Japão e Rússia realizam acordo para proteger meio ambiente de ilhas

Apesar da disputa territorial pelas ilhas, os países irão se unir para evitar danos ao local, devido ao degelo do Mar Okhotsk

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O primeiro ministro japonês, Yasuo Fukuda, e o presidente da Rússia, Dmitri Medvedev, fizeram um acordo na última terça-feira (08) para proteger o meio ambiente das ilhas Curilas.

O acordo foi feito durante reunião do G-8, no Japão, e foi feito apesar da disputa existente entre os dois países pelo controle das ilhas, que estão sob poder da Rússia desde a II Guerra Mundial, o que é questionado pelo país asiático.

Degelo do mar

Os dois líderes concordaram que é urgente uma medida para impedir o degelo do Mar de Okhotsk, devido ao aquecimento global, e que pode prejudicar o ecossistema das ilhas. A superfície de gelo do ar já se reduziu em 20% nos últimos 30 anos.

Aprenda a investir na bolsa

Ambos também concordaram em criar uma base de dados integrada para compartilhar informação e estabelecer um marco de atuação em caso de acidentes que provoquem a poluição da área.

Esse foi o primeiro encontro dos dois representantes desde que Medvedev foi eleito presidente da Rússia, em maio deste ano.