Japão e Coréia do Norte discutem relações diplomáticas

Encontro de dois dias faz parte de um acordo que tem o objetivo de desmantelar o programa nuclear norte-coreano

SÃO PAULO – Um grupo de 15 delegados do Japão e nove da Coréia do Norte iniciaram nesta quarta-feira (05) uma reunião de dois dias destinada a normalizar as relações diplomáticas entre os dois países, abalada pela questão histórica dos japoneses seqüestrados e pelos testes nucleares norte-coreanos.

O encontro, que prossegue até esta quinta-feira, faz parte do acordo firmado entre as duas Coréias, Estados Unidos, Japão, Rússia e China, com o objetivo de desmantelar o programa nuclear realizado pelo governo de Pyongyang.

Delegados mais otimistas

Esta é a segunda vez neste ano que japoneses e coreanos sentam à mesa de negociações. Em março último, a reunião terminou sem acordo, já que as duas delegações permaneceram irredutíveis em suas posições.

PUBLICIDADE

Desta vez, os delegados se mostram mais otimistas, ainda mais porque, no último fim de semana, em Genebra, representantes da Coréia do Norte garantiram aos EUA que iriam listar todo seu programa nuclear, inclusive o de enriquecimento de urânio. Em troca, o governo norte-americano se comprometeu a retirar Pyongyang da sua lista de patrocinadores do terrorismo.