Japão e China realizam acordo para exploração de gás no litoral chinês

Após quatro anos e 11 reuniões, os países concordaram na exploração conjunta de um dos campos

SÃO PAULO – O Japão e a China chegaram a um acordo sobre a exploração de gás no leste da China, colocando fim a uma disputa que já durava quatro anos. Os dois países também concordaram em definir limites para as respectivas zonas econômicas.

O desentendimento começou em 2004, quando a China deu início ao desenvolvimento do campo de gás Shirakaba. Desde então, foram feitas 11 reuniões com o Japão, mas foi somente no último encontro, em Tóquio, que o presidente chinês Hu Jintao e o primeiro-ministro japonês, Yasuo Fukuda, conseguiram chegar a um acordo.

Determinações

Entre as determinações do acordo, está o fato de que uma corporação japonesa deverá contribuir com capital para a entidade chinesa que já iniciou o desenvolvimento do campo Shirakaba.

PUBLICIDADE

Além disso, uma zona de desenvolvimento será estabelecida ao sul do campo de Asunaro, com a exploração das duas nações.

Embora tenham anunciado o acordo como benéfico para ambos, os governos dos países asiáticos ainda não acertaram detalhes como os investimentos e a divisão de lucros.