Japão cria centro assistencial para ajudar “ciberdesabrigados”

Essas pessoas, que não possuem moradia, utilizam as cabines de lan houses que ficam abertas 24 horas para dormir

SÃO PAULO – O cidade de Tóquio, no Japão, ganhou um novo centro de assistência social, o Tokyo Challenge Net, que deverá ajudar os chamados “ciberdesabrigados”, pessoas que não possuem casas e vivem em locais como lan haouses abertos 24 horas por dia.

A iniciativa faz parte de uma parceria entre a prefeitura da capital japonesa e o Ministério da Saúde do país e tem como objetivo auxiliar esses japoneses a encontrarem emprego, moradia e até mesmo conseguirem empréstimos de até 400 mil ienes, ou R$ 6,4 mil.

Ajuda a duas mil pessoas

Com o centro, o governo pretende ajudar cerca de duas mil pessoas, que dormem nas cabines de lan houses, mesmo possuindo uma ocupação.

Pagando um pequeno valor por hora, indivíduos sem dinheiro para pagar um aluguel ou que perderam o emprego utilizam as cabines para dormir, ao invés de usar o computador.