Sinal verde

Janot foi avisado e deu aval para divulgar áudios de Lula, diz Folha; PGR nega

Segundo investigadores de Curitiba ouvidos pelo jornal, primeiro foram avisados integrantes do grupo da PGR sobre a existência e o conteúdo geral dos áudios envolvendo o ex-presidente

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O procurador-feral da República, Rodrigo Janot, foi avisado e deu o aval para que as conversas telefônicas do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva fossem divulgadas, segundo apurou o jornal Folha de S. Paulo com investigadores da Operação Lava Jato. 

A PGR negou que tivesse conhecimento dos áudios de forma antecipada, isto é, antes de eles serem divulgados na quarta-feira (16). Segundo investigadores de Curitiba ouvidos pelo jornal, primeiro foram avisados integrantes do grupo da PGR sobre a existência e o conteúdo geral dos áudios envolvendo o ex-presidente. A informação teria sido imediatamente levada a Janot, que, da Europa, onde está em viagem oficial, teria dado o sinal verde para procuradores de Curitiba pedirem o fim do sigilo sobre o conteúdo dos grampos do ex-presidente. Porém, Janot não foi informado sobre o telefonema entre Dilma Rousseff e Lula, porque ainda não havia sido juntado aos autos da PF. 

Hoje, Janot, indicou em Paris, na França, que considerará legais as escutas de Lula e Dilma. Segundo Janot, o fato da conversa com Dilma ter sido gravada por decisão de um juiz de primeira instância não representa um problema jurídico, já que ela não era alvo da interceptação. 

Aprenda a investir na bolsa

“Há uma decisão judicial que determina escutas telefônicas. As pessoas que ligam para o alvo [da interceptação, no caso Lula] não são o objeto da escuta. Se as pessoas ligam para ele, a escuta em curso vai captar a conversa”, disse o procurador-geral. “Se o alvo da diligência não tiver prerrogativa de foro, o juiz correto e competente é o de 1° grau”. Já sobre o horário da gravação, Janot disse que precisa saber que horário a operadora de telefonia foi avisada para interromper as gravações. A partir desse momento, a escuta é ilegal.

Especiais InfoMoney:

As novidades na Carteira InfoMoney para março

André Moraes diz o que gostaria de ter aprendido logo que começou na Bolsa