Greve geral

Inteligência do governo identifica risco de enfrentamento com black blocs em 5 capitais

Auxiliares do presidente Michel Temer detectaram uma radicalização no discurso de convocação para as manifestações após a aprovação da reforma trabalhista pelo plenário da Câmara dos Deputados

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – A greve de diversas categorias profissionais pelo país pode contar com a participação dos chamados black blocs. Conforme noticia a coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo, a equipe de inteligência do governo federal teria identificado riscos em ao menos cinco capitais: São Paulo, Rio, Brasília, Porto Alegre e Fortaleza.

Segundo o jornal, as respectivas secretarias de segurança já teriam sido informadas sobre a situação e o Planalto trabalha com a possibilidade de haver enfrentamento. Auxiliares do presidente Michel Temer detectaram uma radicalização no discurso de convocação para as manifestações após a aprovação da reforma trabalhista pelo plenário da Câmara dos Deputados.

Conta a nota ainda que o governo diz que há estratégia de uso de estudantes menores de 18 anos para a linha de frente dos movimentos a fim de constranger a ação da Polícia Militar.

Aprenda a investir na bolsa