Pesquisa Ipsos

Imagem de Joaquim Barbosa melhora em pesquisa e reforça avaliação de que ele sairá candidato

Segundo Barômetro Político, da Ipsos, a desaprovação ao ex-presidente do STF caiu de 42% para 36%, enquanto a aprovação oscilou de 38% para 40%

SÃO PAULO – Pesquisa Barômetro Político Estadão-Ipsos divulgada nesta quarta-feira (25) mostrou que a imagem do ex-ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Joaquim Barbosa teve uma leve melhora desde que se filiou ao PSB, reforçando os indícios de que pode concorrer à Presidência neste ano.

Segundo o levantamento, que todos os meses analisa a opinião nacional sobre personalidades do mundo político e jurídico, a desaprovação ao ex-presidente do STF caiu de 42% para 36%, enquanto a aprovação oscilou de 38% para 40%. 

A pesquisa foi feita na primeira quinzena de abril e, entre os demais possíveis presidenciáveis, quase todos ficaram com taxas estáveis ou variando dentro da margem de erro de três pontos porcentuais. Já no caso do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), condenado e preso na Operação Lava Jato, a desaprovação oscilou de 57% para 54%, e a aprovação, de 41% para 42%. O Ipsos ouviu 1.200 pessoas em 72 municípios. A margem de erro é de três pontos porcentuais para mais ou para menos. 

PUBLICIDADE

Vale destacar que a pesquisa Barômetro Político não procura medir a intenção de voto. O que os pesquisadores dizem aos entrevistados é o seguinte: “Agora vou ler o nome de alguns políticos e gostaria de saber se o (a) senhor (a) aprova ou desaprova a maneira como eles vêm atuando no País”.

Quer saber mais sobre o cenário político e como se aproveitar dele? Clique aqui e assine o Mapa Político