Perigo

Hail Trump: membros da “nova direita” americana usam gesto nazista para saudar Trump

"Hail Trump, hail our people, hail victory", disse Richard Spencer, presidente do Instituto de Política Nacional, em evento em Washington

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Não é surpresa para ninguém que a chamada “nova direita” americana ajudou bastante na eleição de Donald Trump para presidente dos Estados Unidos. Com um discurso nacionalista, por muitas vezes já se ouviu críticas ao pensamento do grupo, que agora quer ganhar mais influência. Membros do grupo se reuniram em Washington para discutir o tema, e o vídeo acaba de ser publicado na internet.

Em um dos discursos mais acalorados da noite, Richard Spencer, presidente do Instituto de Política Nacional, comemorou a vitória de Trump entoando a saudação nazista. “Hail Trump, hail our people, hail victory” (“Saúdo Trump, saúdo nosso povo, saúdo a vitória”, em tradução livre) disse ele, fazendo com que os participantes do congresso levantassem a mão direita, em referência ao gesto usado pelos nazistas ao líder alemão, Adolf Hitler.

Richard seguiu seu discurso animado enfatizando que “a América era, até a geração passada, um país branco destinado ao povo branco”, em um tom nacionalista que lembrou bastante o que foi visto na Alemanha nazista.

Aprenda a investir na bolsa

O Museu do Holocausto se pronunciou após o discurso e disse, através de um comunicado, que “o Holocausto não começou com as mortes e, sim, com palavras”. O comitê de transição do novo governo emitiu um comunicado dizendo que “Trump continua a denunciar o racismo de qualquer tipo e ele foi eleito porque será um líder para todo americano”.

Confira o vídeo abaixo: