Grécia anuncia acordo com FMI e BCE para receber 5ª parcela do resgate de 2010

Notícia abre caminho para nova rodada de auxílio ainda neste mês; parlamento e conselho de ministros ainda precisam aprovar reformas

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O governo da Grécia anunciou nesta sexta-feira (3) que chegou à um acordo com o BCE (Banco Central Europeu) e o FMI (Fundo Monetário Internacional)  para que o país possa receber a quinta parcela do resgate anunciado em 2010, de € 110 bilhões, e ainda abriu caminho para nova rodada de auxílio ainda neste mês.

Segundo comunicado oficial, as deliberações se referem à aprovação do progresso feito até agora acerca do Programa de Política Econômica, da Estratégia Fiscal de Médio Prazo, bem como das reformas necessárias para atingir a meta de déficit para 2011, além dos programas de privatização dos ativos e as reformas estruturais para restaurar o crescimento e a competitividade.

Compromisso com ajustes segue firme
“O governo grego já fez pronunciamentos públicos nas últimas semanas sobre esses pontos, reafirmando seu compromisso com decisões específicas”, informa o comunicado.

Aprenda a investir na bolsa

No mais, as autoridades locais ainda afirmaram que os textos das reformas estão sendo finalizados e nos próximos dias chegarão à público através do envio ao parlamento, que após aprovar a matéria deverá remete-la ao conselho de ministros, para o crivo final.