AO VIVO Rodrigo Furtado, da XP Asset, fala sobre uma oportunidade no mercado de ações

Rodrigo Furtado, da XP Asset, fala sobre uma oportunidade no mercado de ações

Manifestações de domingo

Governo se surpreende com manifestações e teme impacto sobre impeachment – mas tem um alívio

Já em nota, Secom afirmou que “a liberdade de manifestação é própria das democracias” e deve ser respeitada por todos

SÃO PAULO – De acordo com informações do jornal O Estado de S. Paulo, o Palácio do Planalto se surpreendeu com o tamanho das manifestações de rua contra o governo Dilma Rousseff que ocorreram neste domingo em todo o País e teme o impacto dos protestos no processo de impeachment da presidente. Porém, a ausência de confrontos nos atos foi motivo de alívio.

Interlocutores de Dilma afirmaram ao jornal que é preciso um pacto nacional para sair da crise, mas ainda não conseguem definir os próximos passos. ‘A situação é muito difícil‘, disse um ministro. ‘Os problemas não são poucos e matamos muitos leões por dia. Mas nós achamos que nem todos os caminhos estão interrompidos.‘

Segundo o Estadão, preocupada com o esfacelamento da base aliada, depois do aviso prévio de 30 dias dado pelo PMDB ao governo na convenção de sábado, Dilma retomará nesta semana as conversas com parlamentares de todos os partidos e também tentará se aproximar da oposição. 

PUBLICIDADE

Já a Secretaria de Comunicação Social (Secom) da Presidência da República divulgou na noite de hoje (13) nota em que afirma que “a liberdade de manifestação é própria das democracias” e deve ser respeitada por todos.

“O caráter pacífico das manifestações ocorridas neste domingo demonstra a maturidade de um país que sabe conviver com opiniões divergentes e sabe garantir o respeito às suas leis e às instituições”, diz a nota da Secom.

O texto foi divulgado após reunião da presidente Dilma Rousseff com os ministros da Casa Civil, Jaques Wagner, da Secretaria de Governo, Ricardo Berzoini, da Advocacia-Geral da União, José Eduardo Cardozo, e da Secretaria de Comunicação Social, Edinho Silva, no Palácio da Alvorada, para avaliar as manifestações.

(Com Agência Brasil)

Especiais InfoMoney:

Como o “trader da Gerdau” ganhou meio milhão de reais na Bovespa em 2 meses 

As novidades na Carteira InfoMoney para março

André Moraes diz o que gostaria de ter aprendido logo que começou na Bolsa