Governo eleva orçamento do PAC em 26%, para R$ 636 bilhões até 2010

De acordo com Dilma Rousseff, contando com os investimentos após 2010, o programa deverá demandar cerca de R$ 1,1 trilhão

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Com o acréscimo de novos fatores revelados pela ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, o orçamento das obras do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) foi elevado em 26% para o período de 2009 a 2010.

Durante uma audiência publica na Câmara dos Deputados sobre os impactos da crise financeira nos projetos do governo, a ministra afirmou que o orçamento do programa foi elevado, passando dos originais R$ 503,9 bilhões para R$ 636,2 bilhões.

Segundo ela, o aumento no valor do projeto é devido ao acréscimo de novas obras, como o trecho sul da Ferrovia Norte-Sul, além de outros fatores, como atualização de orçamentos. Contando com os investimentos previstos para depois de 2010, as obras do PAC devem movimentar um total de R$ 1,1 trilhão.

Investimentos no pré-sal

Aprenda a investir na bolsa

De acordo com Dilma, nos últimos períodos foi efetuado um investimento de R$ 9,3 bilhões para o projeto-piloto de exploração da camada do pré-sal do campo de Tupi. As novas obras devem contar também com o trem bala Rio-São Paulo e a concessão da BR-040 entre Brasília e Juiz de Fora.