AO VIVO Radar InfoMoney: Bancos disparam na Bolsa com dados de crédito e HSBC saltando no exterior; assista ao programa desta segunda

Radar InfoMoney: Bancos disparam na Bolsa com dados de crédito e HSBC saltando no exterior; assista ao programa desta segunda

Governador de São Paulo, José Serra, defende aliança entre PSDB e DEM

De acordo com o governador, o partido estará unido e contará com o apoio do DEM no segundo turno para a candidatura de Alckmin

SÃO PAULO – Segundo o senador Sérgio Guerra (PE), presidente nacional do PSDB, o governador de São Paulo, José Serra, colaborou para o entendimento no partido em torno da candidatura de Geraldo Alckmin à prefeitura de São Paulo.

No último domingo, o grupo tucano pró-Kassab decidiu pela retirada da chapa inscrita na convenção, com o propósito de apoiar a reeleição de Gilberto Kassab (DEM).

Porém, a bancada kassabista do PSDB na Câmara Municipal de São Paulo, decidiu não participar da convenção tucana que elegeu o nome de Alckmin à prefeitura da capital.

Aliança PMDB e DEM

PUBLICIDADE

Quando questionado sobre o apoio de Alckmin à possível candidatura de Serra a presidência em 2010, Guerra afirmou que não existem possibilidades do estado paulista ter força política sem o entendimento dos dois.

Porém, o governador de São Paulo disse que no momento não é a sua candidatura a presidência que está em jogo, e acredita em uma possível aliança no segundo turno das eleições municipais entre PSDB e DEM.

Segundo turno

Serra afirmou ainda que o partido estará unido para apoiar a candidatura de Alckmin, e para o segundo turno estão contando com o apoio do DEM para vencer a adversária Marta Suplicy (PT).