Barraco Político

“Foi infeliz e machista”, diz Kátia; Serra afirma que fez “brincadeira com intenção de elogio”

Discussão entre senador tucano e ministra da Agricultura após tucano tê-la chamado de "namoradeira" dominou o noticiário de hoje; Serra afirmou ter se desculpado, mas Kátia Abreu deu indicações de que não relevou

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – O senador José Serra e a ministra da Agricultura, Kátia Abreu, foram protagonistas de uma cena que gerou os mais intensos comentários sobre o jantar oferecido a políticos na última quarta-feira. 

De acordo com informações de diversos jornais, como Folha de S. Paulo O Globo, Kátia Abreu jogou uma taça de vinho na cara do senador após ele tê-la chamado de “namoradeira”. A ministra confirmou o fato pelo Twitter e afirmou: “reagi a altura de uma mulher que preza sua honra. Todas as mulheres conhecem bem o eufemismo da expressão ‘namoradeira'”. Ela disse pela rede social que o ato “foi infeliz, desrespeitoso, arrogante e machista” e que “a reclamação de vários colegas senadores sobre suas piadas ofensivas são recorrentes”.

Serra alegou à Folha ter feito uma “brincadeira com intenção de elogio”. “Me desculpei. Sempre tive respeito pela Katia”, afirmou. 

PUBLICIDADE

Conforme informa a Folha, o anfitrião, Eunício Oliveira (PMDB-CE), e o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), conversaram com os dois. Segundo relatos, após alguns minutos, Serra e Kátia Abreu se cumprimentaram de forma amistosa. Porém, na manhã desta quinta, pelas manifestações pelo Twitter, a ministra deixou claro que não relevou o episódio. 

Kátia Abreu - Twitter


É hora ou não é de comprar ações da Petrobras? Veja essa análise especial antes de decidir: