Reta final

Fim da indefinição! Romário decide apoiar Aécio e grava depoimento para tucano

Eleito senador no Rio de Janeiro, o deputado federal do PSB definiu seu apoio ao candidato peessedebista após uma longa conversa na madrugada desta quarta-feira.

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – O temperamento forte de Romário foi um dos principais ingredientes de sua negociação para oficializar o apoio à candidatura de Aécio Neves, do PSDB, no segundo turno da disputa federal. Após uma longa conversa na madrugada desta quarta-feira, o deputado federal, que foi eleito senador no Rio de Janeiro com 4,6 milhões de votos, decidiu apoiar o presidenciável tucano.

Nesta quarta-feira, o ex-jogador de futebol gravou depoimento para o programa eleitoral de Aécio. Os vídeos devem ser veiculados a partir desta quinta-feira. No depoimento, Romário teria afirmado que Aécio representa mudanças, o que teria determinado a sua decisão de apoiá-lo. Além disso, o “baixinho” explicou que o tucano se comprometeu a apoiar a moralização do esporte e a causa das pessoas das doenças raras ou deficiências.

Correligionário de Marina Silva, presidenciável do PSB que ficou em terceiro lugar no primeiro turno, Romário descartou apoiar a presidente Dilma Rousseff, do PT, logo após a definição de que a ex-senadora estava fora do segundo turno. 

PUBLICIDADE

Após dois encontros cancelados, o senador eleito teria resistido para concretizar a aliança. Vale lembrar que o primeiro encontro foi cancelado porque uma das filhas de Romário ficou doente, enquanto o segundo foi adiado porque ocorreria no mesmo dia em que Marina decidiu declarar seu apoio ao tucano, em São Paulo.

Outro empecilho que retardou a oficialização do apoio de Romário à candidatura de Aécio foi a participação do também ex-jogador Ronaldo Fenômeno na campanha do tucano. Os dois ex-jogadores teriam desavenças do passado. 

Apesar de não confirmar nenhuma participação de Romário em um ato de campanha de Aécio, a assessoria do pessebista não descarta que isso pode acontecer na sexta-feira, quando o presidenciável do PSDB estará no Rio para participar do debate realizado pela TV Globo.