Rebatendo o petista

FHC diz que Brasil “merece mais respeito” em resposta a Lula no Financial Times

FHC destaca que a inelegibilidade de Lula é "consequência de uma iniciativa popular" aprovada pelo Congresso e sancionada pelo próprio presidente em 2010

SÃO PAULO – O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso afirma que a visão do Brasil demonstrada pelo seu sucessor, Luiz Inácio Lula da Silva, em artigo publicado pelo jornal americano The New York Times é uma ficção prejudicial. “Meu sucessor como presidente falsamente se apresenta como vítima de uma conspiração de ‘elite”, escreveu FHC em artigo publicado no britânico Financial Times

Lula alegou em artigo da semana passada que “a extrema direita” no país vem tentando tirá-lo da disputa pela Presidência, enquanto pesquisas de intenção de voto apontam para sua liderança no pleito. “Luiz Inácio Lula da Silva retrata o Brasil como uma democracia em ruínas, na qual o Estado de direito deu lugar a medidas arbitrárias destinadas para enfraquecê-lo e a seu partido. Isso não é verdade”, responde FHC.

Para FHC, o ponto de vista apresentado por Lula em seu artigo é “uma grave distorção da realidade” uma vez que ele afirma que há uma campanha direcionada no Brasil para perseguir indivíduos específicos. “Meu país merece mais respeito”, diz FHC.

PUBLICIDADE

Lula afirmou no artigo que a sua prisão é “a última fase de um golpe em câmera lenta destinado a marginalizar permanentemente as forças progressistas no Brasil”. Em resposta, FHC destaca que a inelegibilidade de Lula é “consequência de uma iniciativa popular que recebeu mais de 1 milhão de assinaturas e depois foi aprovada pelo Congresso e sancionada pelo próprio presidente em 2010”. 

Lula está preso desde 7 de abril, dois dias após o juiz federal Sérgio Moro determinar o início da execução da pena. O líder petista foi condenado, em janeiro, por unanimidade pelos desembargadores da 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, a 12 anos e 1 mês de prisão pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Na primeira instância, Lula havia sido condenado por Moro a 9 anos e 6 meses de prisão. 

Quer transferir seu dinheiro da poupança para investimentos que RENDEM MAIS com TAXA ZERO? Clique aqui e abra sua conta na Rico Investimentos