Críticas a Lula ministro

FHC defende que sociedade reaja “energicamente” contra a nomeação de Lula

"Acho escandaloso uma pessoa aceitar ser ministro em um momento em que pode se tornar réu. Fica muito esquisito, aumenta a crise moral”, afirmou o ex-presidente

SÃO PAULO – Em evento realizado em São Paulo, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso criticou a nomeação de seu sucessor, Luiz Inácio Lula da Silva, como ministro-chefe da Casa Civil.

Ele disse que “é um erro do ponto de vista da organização do governo” e “escandaloso” a nomeação e conclamou a sociedade a agir energicamente contra: “falando politicamente, acho que a sociedade precisa reagir energicamente contra. Acho escandaloso uma pessoa aceitar ser ministro em um momento em que pode se tornar réu. Fica muito esquisito, aumenta a crise moral”, afirmou FHC. 

De acordo com o tucano, “se a sociedade não reagir com força”, a possibilidade de crescimento do país será retardada. Desta forma, ele defende que Lula seja pressionado para que não mude a política econômica para baixar os juros na marra, aumentar o crédito e incentivar o crescimento pelo consumo. “O presidente Lula é competente no jogo político e ele vai usar sua capacidade para postergar decisões”, afirmou. Para ele, com a nomeação de Lula, o Brasil não vai sair “desse círculo que é a causa de todos males”.

PUBLICIDADE

“Lula é maleável. Se a sociedade gritar, ele recua no que diz respeito à economia. Mas como ele está em uma situação de muito aperto, é capaz de ele ir por esse caminho. São erros do tipo feitos na Venezuela. Espero que ele tenha lucidez”. 

Para FHC, ao nomear Lula para a Casa Civil, a presidente Dilma Rousseff abre espaço para questionamentos. “A Casa Civil no Brasil é o comando da máquina administrativa do governo, não é da política. Alguém tem que comandar a máquina administrativa para as coisas acontecerem. Se nomear um político para o comando da Casa Civil vai se fazer confusão entre política e administração e isso vai servir para o Congresso cobrar”, afirmou. 


Especiais InfoMoney:

Como o “trader da Gerdau” ganhou meio milhão de reais na Bovespa em 2 meses 

As novidades na Carteira InfoMoney para março

André Moraes diz o que gostaria de ter aprendido logo que começou na Bolsa