Fed empreende revisão de política de supervisão ao sistema financeiro dos EUA

Um dos efeitos da mudança seria a intensificação do poder regulatório das autoridades regionais da entidade

SÃO PAULO – O Federal Reserve, banco central norte-americano, deve mudar sua política de supervisão bancária, de acordo com pessoas ouvidas pela agência Bloomberg. Oficiais da instituição vêm fazendo uma revisão interna com o objetivo de melhorar a sensibilidade dos responsáveis pelo processo regulatório a problemas no sistema financeiro dos EUA.

Um resultado potencial dessa medida seria o fortalecimento da autoridade regulatória das unidades regionais da entidade, quando, graças à crise, o fluxo de informações acerca da situação dos bancos tem se tornado de importância essencial na formulação e na adoção de políticas.

Este é um aspecto digno de atenção, uma vez que, estando próximos às companhias monitoradas, os supervisores regionais têm acesso ao tipo de informação de que as autoridades federais necessitam. Nas palavras do economista da Sandlers O’Neill Partners LP, Kevin Fitzsimmons, em Washington, “você está perto de quem precisa das respostas, mas não perto de quem tem a informação”.

Evolução

PUBLICIDADE

O processo de revisão já está em curso há cerca de um ano e espera-se que esteja chegando a suas etapas finais. Com a reestruturação da regulação financeira e as investidas no sentido de aperfeiçoar o monitoramento por todo o sistema financeiro empreendidas pelo Congresso norte-americano, a perspectiva é de que o processo supervisor do Fed avance.