Por fake news

Facebook remove live de Bolsonaro com informação falsa sobre vacina contra Covid

Rede social informou que suas políticas "não permitem alegações de que as vacinas de Covid-19 matam ou podem causar danos graves às pessoas"

(Reuters) – O Facebook retirou do ar o vídeo da última live semanal do presidente Jair Bolsonaro, após o presidente ter afirmado na transmissão que pessoas vacinadas contra a Covid-19 “estão desenvolvendo a síndrome da imunodeficiência adquirida (Aids) muito mais rápido do que o previsto”.

O vídeo da transmissão da última quinta-feira não consta mais do arquivo com todos os demais vídeos do presidente na plataforma. O Facebook informou nesta segunda-feira, por meio da assessoria de imprensa, que suas políticas “não permitem alegações de que as vacinas de Covid-19 matam ou podem causar danos graves às pessoas”.

De acordo com o Unaids, Programa da Conjunto ONU sobre HIV/Aids, as vacinas contra a Covid-19 aprovadas por órgãos reguladores são consideradas seguras para a maioria das pessoas, incluindo pessoas que vivem com HIV. “Portanto, não há razão para que as pessoas que vivem com HIV não tomem a vacina quando oferecida”, segundo nota do programa.

Em julho, o YouTube retirou do ar vídeos do canal de Bolsonaro na plataforma publicados este ano e no ano passado nos quais ele defendia o uso da cloroquina e da ivermectina contra a Covid-19, apesar da comprovação científica de ineficácia de ambos os medicamentos contra a doença.

Desde então, o presidente tem evitado citar os nomes dos medicamentos em suas transmissões citando a possibilidade de os vídeos serem derrubados — apesar de continuar fazendo defesa de seu uso, contrariando as evidências científicas.

A live de Bolsonaro de quinta-feira passada, no entanto, continuava disponível, no YouTube, da Alphabet.

Receba o Barômetro do Poder e tenha acesso exclusivo às expectativas dos principais analistas de risco político do país
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.