Em palestra

Eventual governo Temer seria uma “tragédia sem precedentes”, diz Ciro Gomes

Ex-ministro diz que Michel Temer é indissociavelmente ligado a Eduardo Cunha

SÃO PAULO – Em palestra em Cambridge, nos Estados Unidos, o ex-ministro Ciro Gomes disse que o vice-presidente da República Michel Temer é absoluta e indissociavelmente ligado ao presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), inclusive nas “piores práticas”. De acordo com informações da Folha de S. Paulo, Ciro ainda teria afirmado que um governo Temer, em caso de impeachment da presidente Dilma Rousseff, seria uma “tragédia sem precedentes”. 

“Nesta altura, o Temer está calculando como se livrar deste trambolho. E não tem a menor autonomia para se livrar, porque se o Cunha um dia for preso – e eu acho que ele vai – será a maior delação premiada da história da humanidade, leva o Michel Temer e mais 250 deputados”, disse Gomes. 

Ele ainda disparou que Cunha só chegou onde chegou porque “comprou” 250 deputados.

PUBLICIDADE

Especiais InfoMoney:

Carteira InfoMoney rende 17% no 1º trimestre; CLIQUE AQUI e baixe!

Trader que perdeu R$ 285.000 com Telebras conta como deu a volta por cima

André Moraes diz o que gostaria de ter aprendido logo que começou na Bolsa