Diz Folha

Equipe de Dilma prepara financiamento coletivo para pagar viagens pelo Brasil

Segundo a jornalista Mônica Bergamo, a conta do 'tour' tinha sido repassada para o PT, mas estava salgada

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Preocupada em disseminar a narrativa de que o processo de impeachment teria sido um golpe parlamentar, a equipe da presidente afastada Dilma Rousseff está preparando uma campanha de financiamento coletivo (crowdfunding) para arcar com os custos das viagens pelo Brasil. As informações foram dadas pela jornalista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo.

Diz a colunista que a conta das viagens havia sido repassada ao PT, mas estava muito salgada para o partido, que teria pago até agora somente uma viagem, feita para um encontro com intelectuais em Campinas (SP). Dilma costuma viajar com pelo menos dez assessores.

Outro que também aperta os cintos é o ex-presidente Lula. Segundo Mônica Bergamo, as contribuições de empresas desapareceram e a empresa de palestras do petista também está praticamente parada, com nenhuma conferência remunerada realizada neste ano.

Aprenda a investir na bolsa