Pegando pesado

Em Recife, Lula sobe o tom mais uma vez e compara tucanos a nazistas

E não parou por aí: o ex-presidente petista chamou o candidato à presidência pelo PSDB Aécio Neves de “grosseiro”, “mal educado” e “filhinho de papai”

SÃO PAULO – Na última terça-feira (21), em comício para milhares de pessoas no Recife, o ex-presidente Lula subiu mais uma vez o tom contra os tucanos, chegando a compará-los com nazistas. 

“De vez em quando parece que estão agredindo a gente (os nordestinos) como os nazistas na Segunda Guerra Mundial”, afirmou o ex-presidente. “Eles são intolerantes. Outro dia eu dizia para eles: vocês são mais intolerantes que Herodes, que mandou matar Jesus Cristo com medo de ele virar o homem que virou”, afirmou. 

E não parou por aí. Lula chamou o candidato à presidência pelo PSDB Aécio Neves de “grosseiro”, “mal educado” e “filhinho de papai” e ainda criticou a revista The Economist por apoiar Aécio.

PUBLICIDADE

“Essa semana fiquei pasmo. Fiquei sabendo que a revista “The Economist” disse que o povo tinha que votar no outro candidato. Quem eles pensam que são, pensam que podem dar ordem lá de fora. Já expulsamos os gringos daqui”, afirmou Lula durante comício no Recife, Pernambuco.