Segundo jornal

Em áudio, Sarney promete ajudar investigado pela Lava Jato a escapar de Moro, diz Folha

Em nota divulgada, o ex-presidente disse que não teria como responder às perguntas feitas pela Folha por não ter tido "tempo nem conhecimento do teor das gravações"

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Mais um cacique peemedebista foi vítima de vazamento de áudio de conversa particular realizada com o ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado. Desta vez, o ex-presidente José Sarney foi flagrado prometendo ajuda a Machado a evitar que seu caso fosse transferido para a vara do juiz federal Sérgio Moro, em Curitiba (PR), mas “sem meter advogado no meio”. A reportagem é do jornal Folha de S. Paulo e foi divulgada depois do ex-dirigente da Transpetro fechar acordo de delação premiada no Supremo Tribunal Federal.

Em nota divulgada, o ex-presidente disse que não teria como responder às perguntas feitas pela Folha por não ter tido “tempo nem conhecimento do teor das gravações”. Sarney lamentou “que conversas privadas tornem-se públicas, pois podem ferir outras pessoas que nunca desejaríamos alcançar”.