AO VIVO Especialista recomenda ativo ao vivo em aula sobre Fundos Imobiliários

Especialista recomenda ativo ao vivo em aula sobre Fundos Imobiliários

Otimista

Em artigo, Temer diz que Brasil voltou aos trilhos e que irá aprovar a reforma da Previdência

"Dizer que estamos mudando o Brasil não é discurso político, é a mais pura verdade", disse o presidente

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – Menos de uma semana após publicar um texto em um jornal português, o presidente Michel Temer teve um artigo divulgado no Estado de S. Paulo. Com o mesmo título, “O Brasil voltou aos trilhos”, o peemedebista destaca no texto as conquistas de seu governo, ressaltando que continuará fazendo reformas e que no caso da Previdência vai conseguir aprovar o texto no Congresso.

“Em face desse desafio, propus o mais amplo conjunto de reformas estruturantes dos últimos 30 anos, tendo como pilares o equilíbrio fiscal, a responsabilidade social e o aumento da produtividade”, diz o presidente no início do artigo. Como resultado, Temer destaca que o País vê o número de empregos crescer, além do PIB (Produto Interno Bruto) avançar por dois trimestres consecutivos.

Ele ainda destaca a reforma trabalhista que entrou em vigor no último fim de semana. “A nova lei trabalhista estabelece perspectivas reais de atualização com o que há de mais avançado no mercado de trabalho em todo o mundo”, afirma. “Dizer que estamos mudando o Brasil não é discurso político, é a mais pura verdade”.

Temer reforça também os superávits recordes da balança comercial, além da recuperação da confiança na economia nacional. “Medidas de racionalidade e previsibilidade econômica têm melhorado o ambiente de negócios, por meio de iniciativas de desburocratização nos setores agrícola, de serviços, varejo e comércio exterior”, diz o artigo.

Por fim, o presidente reforça que irá seguir com a agenda de reformas. “Vamos aprovar a reforma da Previdência, eliminar privilégios e garantir a solvência e a sobrevivência do sistema”, afirma. “A simplificação da legislação tributária, outra prioridade, aumentará a competitividade da produção nacional. Com o apoio imprescindível do Congresso Nacional, dos trabalhadores e do empresariado, pusemos o País nos trilhos”, conclui Temer.