Datafolha

Eleitor contraria perspectiva do mercado e eleva otimismo com economia – o que ajuda Dilma

O último boletim Focus mostrou que a expectativa para a economia brasileira é de crescimento de apenas 0,27% em 2014, mas expectativa dos brasileiros melhora

SÃO PAULO – O último boletim Focus mostrou que a expectativa para a economia brasileira é de crescimento de apenas 0,27% em 2014, enquanto o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) deve ficar perto do teto da meta, em 6,45% neste ano. 

Porém, o que aponta o Datafolha é que os brasileiros em geral estão na contramão destas expectativas, ao reduzirem suas expectativas para inflação e acreditarem que estarem mais otimistas em relação à queda da taxa de desemprego, além de verem aumentados seu poder de compra e melhorada a situação econômica do País. E isso explicaria o aumento da aprovação de Dilma Rousseff (PT) e sua reação na corrida eleitoral. 

Em abril, no momento de maior pessimismo, 64% achavam que a inflação iria aumentar. Agora, índice é de apenas 31%. A esperança de queda da inflação também é recorde. Para 21%, o índice irá diminuir.

PUBLICIDADE

Segundo o Datafolha, o maior otimismo também se deve à campanha eleitoral de Aécio, uma vez que a maioria dos eleitores da petista quanto do tucano apostam que seu candidato irá vencer e terá condições de promover melhorias.