Eleição presidencial: Luiz Inácio Lula da Silva oferece a vaga de vice ao PMDB

Mercadante, que vai disputar o governo de São Paulo, também sugeriu coligação e ofereceu a vaga de vice-governador

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – De olho nas eleições de outubro, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva ofereceu nesta quarta-feira a vaga de vice de sua chapa para o PMDB. A proposta foi realizada para Orestes Quércia, presidente do PMDB de São Paulo, durante reunião no Palácio do Planalto. O senador Aloísio Mercadante, que vai disputar o governo de São Paulo pelo PT, também sugeriu coligação e ofereceu a vaga de vice-governador.

Apesar de ter se mostrado receptivo a situação, Quércia ressaltou que nada será definido no momento e que, apesar das divergências dentro do seu partido, ainda é mais provável que o PMDB lance candidato próprio à presidência. Quércia vai agora conversar com seus companheiros para discutir o tema.

Possíveis desdobramentos para o caso

Analistas acreditam que a coligação PT/PMDB só seria viável caso fosse implementada no âmbito nacional. Isso porque, como o PT vai concorrer ao Senado com Eduardo Suplicy, uma aliança apenas em São Paulo seria pouco vantajosa para o PMDB.

Aprenda a investir na bolsa

Neste caso, seria mais interessante para o partido de Orestes Quércia aliar-se ao PSDB, que poderia oferecer a vaga no Senado. A terceira hipótese seria o PMDB lançar candidaturas próprias ao governo federal e ao governo do Estado.