Em negociação

Eike se reuniu com Dilma para negociar parceria com Petrobras

Presidente do grupo EBX quer ajuda da Petrobras em projeto do Porto do Açu, diz Folha de S. Paulo; contratação de executivo teria sido motivada para facilitar negociações

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Em reunião com Dilma Rousseff na semana passada, Eike Batista buscou apoio do governo para fechar uma parceria com a Petrobras (PETR3, PETR4) para desenvolver o projeto do Porto do Açu, publicou a Folha de S. Paulo nesta sexta-feira (25).

Na última quinta-feira Eike Batista levou o ex-presidente Lula para conhecer o projeto. Segundo a reportagem, o presidente do grupo EBX tenta uma aproximação com a Petrobras desde o ano passado, mas como conseguiu poucos avanços com a presidente da companhia, Graça Foster, ele tenta se aproximar do governo.

A parceria de Eike com a Petrobras poderia acontecer pelo arrendamento de área no Porto do Açu ou por uma sociedade efetiva. Entretanto, a Folha diz que as conversas entre Eike e governo ainda estão apenas em fase inicial de negociações.

Aprenda a investir na bolsa

Aliás, a recente contratação de Eduardo Eugênio de Gouvêa Vieira para vice-presidente da EBX foi motivada pelo bom trânsito do executivo nos meios oficiais, já que foi ex-presidente da Firjan (Federação das Indústrias do Rio de Janeiro), diz a reportagem.

A Folha diz que Eike também buscou apoio do governo para acelerar a ferrovia que dará acesso ao porto, que foi um dos motivos para a parceira chinesa Wisco desistir do projeto no ano passado.