Eleições

Doria tem nova vitória e larga na frente para prévias ao governo de SP

Por outro lado, a possibilidade de o PSDB filiar o vice-governador Márcio França (PSB) perdeu força

SÃO PAULO – O prefeito João Doria voltou a ganhar terreno para representar os tucanos na disputa pelo governo de São Paulo. Em reunião da executiva do PSDB, foi aprovada, por 16 votos a 8, a realização das prévias do partido para a disputa em 18 de março. Caso seja necessário segundo turno, a disputa será realizada uma semana depois, em 25 de março.

Quer investir em ações pagando só R$ 0,80 de corretagem? Clique aqui e abra sua conta na Clear

A decisão foi vista como uma vitória do prefeito paulistano que agora não precisa se desincompatibilizar do cargo para disputar a prévia tucana. Sendo assim, Doria apenas deixa a prefeitura caso vença José Aníbal, Floriano Pesaro e Luiz Felipe d’Ávila, que trabalhavam para que a prévia ocorresse depois de 7 de abril. Isso obrigaria o prefeito paulistano a deixar o cargo antes de saber se de fato seria o candidato do PSDB à sucessão de Geraldo Alckmin.

PUBLICIDADE

Por outro lado, a possibilidade de o PSDB filiar o vice-governador Márcio França (PSB) perdeu força. As amplas resistências internas no partido e o ganho de força de Doria dificultaram tal saída, que poderia ser uma opção para Alckmin evitar palanque duplo em seu estado. Agora, cada vez mais, a eleição paulista caminha para ter dois candidatos pró-Alckmin disputando sua sucessão, o que pode ser uma dor de cabeça ao presidenciável caso um acordo de não-agressão não seja feito.