Operação Lava Jato

Dono de fundo em Londres, filho de Sérgio Machado também faz acordo de delação

Suspeito de ser um dos operadores do PMDB, Expedito Machado Neto resolveu contribuir com as investigações em troca de benefícios em eventual sentença

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O filho caçula do ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado seguiu os passos do pai para fazer acordo de delação premiada pela Operação Lava Jato. Segundo informações do jornal O Estado de S. Paulo, Expedito Machado Neto, conhecido como Did, resolveu colaborar com a Justiça após as investigações o identificarem como operador da cúpula do PMDB no Senado.

Did é controlador de um fundo de investimentos em Londres. O acordo foi homologado pelo ministro relator do caso no Supremo Tribunal Federal, Teori Zavascki. No acordo, ficou acordado que Sérgio e seu filho irão devolver aos cofres públicos os recursos obtidos por meios ilícitos no fundo. Os valores ainda serão quantificados.

Acredita-se que as informações a serem apresentadas podem comprometer o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), o senador Romero Jucá (PMDB-RR) e o ex-presidente José Sarney (PMDB-AP). A reportagem d’ O Estado de S. Paulo procurou o advogado de Expedito Machado Filho, que não quis se pronunciar, além das assessorias dos políticos citados, que não se manifestaram até o fechamento da edição.

Aprenda a investir na bolsa