Dilma Rousseff alcança 15,2 p.p. de diferença sobre José Serra, aponta CNT/Sensus

Pesquisa também mostra que 48,9% votariam apenas em Dilma, enquanto 33,8% dizem que só votariam em Serra

SÃO PAULO – Dilma Rousseff, candidata à Presidência pelo PT, possui 51,9% das intenções de votos em pesquisa estimulada, contra 36,7% de José Serra, do PSDB, enquanto 4,7% pretendem votar branco ou nulo e 6,8% não souberam responder, de acordo com pesquisa da CNT/Sensus divulgada nesta quarta-feira (27). Considerando apenas os votos válidos, Dilma possui 58,6%, contra 41,4% do tucano.

Para tal pesquisa, foram entrevistadas 2.000 pessoas nas cinco regiões do País, em 24 estados e em 136 municípios, entre os dias 23 e 25 de outubro. A margem de erro é de dois pontos percentuais.

A última pesquisa realizada pelo instituto, entre 18 e 19 de outubro, apontava a candidata do PT com 46,8% das intenções de voto, contra 41,8% de Serra.

PUBLICIDADE

Expectativa de vitória e rejeição
Deste modo, a expectativa de vitória de Dilma subiu de 59,6% da última pesquisa para 69,7% nesta, enquanto Serra caiu de 29,0% para 22,3%. Além disso, 48,9% afirmam que votariam apenas na petista, enquanto 33,8% dizem votar apenas em Serra. Ainda, o índice de rejeição de Serra indica 43,0%, enquanto 32,5% afirmam que não votariam em Dilma.

Para a equipe de analistas da LCA, deve-se tomar cuidado ao realizar análises, uma vez que podem surgir fatos novos na corrida política até as eleições, as pesquisas podem apresentar imprecisões e ainda há o último debate entre os presidenciáveis, na Rede Globo.

Vitória provável
“Mas a estabilidade nas curvas nas pesquisas do 2º turno – tendo a petista passado, entre o final do 1º turno e o início da campanha do 2º turno, pelos momentos difíceis que passou (com desgaste, perda de votos e preocupações com a viabilidade que a candidatura de Serra então adquiriu) – e a diferença a seu favor de 10 a 12 pontos autorizam a se considerar que o mais provável é sua vitória no dia 31”, aponta a consultoria em relatório.