Conselhos do mentor

Dilma ouve Lula e Mercadante sai da articulação; Temer pode ocupar “lugar especial”

Presidente ouviu conselhos de Lula e tirou Mercadante da articulação política; ex-presidente aconselhou Dilma a colocar vice em "lugar especial"

SÃO PAULO – A articulação de Dilma Rousseff para reverter a crise política e a relação azeda entre o Palácio do Planalto e o Congresso continua. Assim, Dilma está ouvindo mais os conselhos do ex-presidente Lula e já fazendo algumas mudanças no Planalto. 

Segundo informações do jornal O Estado de S. Paulo, ouvindo os conselhos do ex-presidente, Dilma colocou em prática o afastamento do ministro da Casa Civil, Aloizio Mercadante, da articulação política do governo, de forma a evitar novas derrotas no Legislativo. A movimentação de Lula começou no início de fevereiro.

As principais críticas a Mercadante se dão em meio aos conflitos com o PMDB, com o governo estimulando o lançamento da candidatura de Arlindo Chinaglia (PT-SP) para a presidência da Câmara contra Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

PUBLICIDADE

Além disso, o presidente Lula saiu em defesa de um novo lugar para o vice-presidente da República, Michel Temer, de acordo com informações do jornal Valor Econômico. O ex-presidente quer que Temer ocupe um “lugar especial” no governo, de preferência no “centro do poder”. Isso não significa nomeá-lo para um cargo específico, mas convidá-lo a participar de decisões políticas relevantes e tirar proveito do seu trânsito, inclusive na oposição.

Vale ressaltar que, segundo relatos, Temer foi um dos representantes do PMDB que esteve na festa da senadora Marta Suplicy, que está de saída do PT e irá para o PSB.