Segundo Veja

Dilma foi a única presidenciável a receber doação de campanha da Coca-Cola: R$ 290 mil

De acordo com a coluna Radar, da Veja, ela também foi a "queridinha" da Ambev, recendo R$ 6 milhões

SÃO PAULO – Além das já conhecidas construtoras e de empresas como a JBS (JBSS3), a Coca-Cola também fez doações a candidatos para as eleições de 2014, de acordo com informações da coluna Radar, da Veja.

A multinacional teria gasto R$ 13,898 milhões em doações de campanha sendo que, das 16 razões sociais registradas no Brasil, apenas cinco não colaboraram com alguma campanha. A unidade Recofarma foi a que mais doou, com R$ 9 milhões, para candidatos de diversos partidos como o PSD, PT e DEM. 

E, de acordo com o colunista Lauro Jardim, Dilma Rousseff (PT) foi a única entre os presidenciáveis a receber dinheiro da Coca: R$ 290 mil. 

PUBLICIDADE

Mesmo com as vultuosas doações da Coca-Cola, ela não superou a Ambev (ABEV3), que doou R$ 45,27 milhões para os candidatos através de três razões sociais: CRBS, Arosuco Aromas e Sucos e Londrina Bebidas. E, até a segunda prestação de contas, Dilma recebeu R$ 6 milhões da empresa.