Encontro indesejável

Dilma e governo Temer se cruzam em conselho da ONU, em Genebra

O encontro da ONU marcará o retorno do Brasil ao conselho depois de um ano afastado

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – A presidente cassada Dilma Rousseff participará, no início março, de evento paralelo aos debates do Conselho de Direitos Humanos da ONU (Organização das Nações Unidas) como palestrante. Conforme conta reportagem do portal do jornal O Estado de São Paulo, a fala da ex-presidente no Festival de Cinema de Direitos Humanos deverá focar no combate conta a pobreza e a fome no Brasil.

O encontro da ONU marcará o retorno do Brasil ao conselho depois de um ano afastado. Ainda de acordo com a matéria, a ministra de Direitos Humanos do governo Michel Temer, Luislinda Valois, ficará encarregada de fazer o discurso em nome da atual gestão. A oratória da titular da pasta deverá focar na reafirmação de compromissos com a defesa dos direitos humanos, do estado de direito e de avanços sociais.

Por outro lado, o Brasil deverá ser confrontado por temas delicados, como a redução de gastos sociais, a crise penitenciária e outras questões relacionadas ao sistema de segurança pública nacional.

Aprenda a investir na bolsa