Hoje pela manhã

Dilma demitiu ministro da Saúde hoje por telefone, diz O Globo

Segundo informações do colunista Ancelmo Gois, nos bastidores, o que se fala é que a cadeira será ocupada por Marcelo Castro, do PMDB

SÃO PAULO – De acordo com informações da coluna de Ancelmo Gois, do jornal O Globo, a presidente Dilma Rousseff telefonou hoje pela manhã para ministro da Saúde, Arthur  Chioro, anunciando a demissão do titular da pasta.

Segundo o colunista, foram apenas dois minutos no telefone para informar que o tempo dele teria acabado no governo. Segundo o colunista, as informações de bastidores é de que a cadeira será ocupada por Marcelo Castro, do PMDB.  

 Cabe lembrar que o ministério da Saúde é uma das prováveis pastas que irão para o PMDB em meio à reforma ministerial do governo, que deve dar mais espaço ao partido da base aliada. 

PUBLICIDADE

Nesta terça-feira (29), durante reunião com o vice-presidente, Michel Temer, Dilma afirmou que há a possibilidade de mais um ministério ser entregue ao PMDB na reforma ministerial que deverá ser anunciada até a próxima quinta-feira. Se isso se tornar realidade, o partido do atual presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, terá sete ministérios: Saúde, Minas e Energia, Agricultura, Turismo, Portos, Aviação Civil e um sétimo ainda indefinido.

Chioro destacou, em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo de ontem, uma situação bastante preocupante para o setor de saúde no Brasil. Segundo ele, por falta de dinheiro, o atendimento público de saúde pode entrar em colapso no próximo ano. “Estando eu à frente do Ministério da Saúde, ou qualquer outro gestor público, com mais ou menos experiência, com mais ou menos compromisso, o que se aponta é uma situação inadmissível”, afirmou.


Coloque seu email abaixo e receba o estudo completo das melhores e piores ações da Bolsa com o dólar acima de R$ 4,00: