Internet

De “ImperioTrump.com” a “FraudeTrump.org”: os 3600 sites do presidente dos EUA

Os dados são fruto de um levantamento da CNN Money com base em registros de domínios de internet dos últimos 20 anos 

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Bilionário, republicano e dono de uma lista de mais de 3.600 sites websites. Segundo a CNN Money, o presidente dos Estados Unidos tem registrado em nome de suas companhias domínios relacionados tanto a seus empreendimentos imobiliários como endereços de internet que poderiam ser usados por adversários políticos para atacá-lo. 

Entre os domínios que se destacam neste sentido estão TrumpFraud.org e TrumpScam.com, fusões do nome do empresário com as palavras “fraude” e “golpe”, em inglês. Há também endereços elogiosos, como o TrumpEmpire.com, destacando o império do magnata, e os tradicionais, DonaldJTrump.comTrumpOrganization.com.

Os dados são fruto de um levantamento com base em registros dos últimos 20 anos e evidenciam a preocupação do magnata sem se promover e se proteger de críticas online – antes mesmo que elas comecem a ganhar força.

Aprenda a investir na bolsa

Foi o que ocorreu em 2007, quando o empresário pretendia lançar uma marca de marketing multinível, em que, para terem sucesso, as pessoas precisam recrutar outras e assim por diante, como ocorre com a Herbalife e a TelexFree, por exemplo. Ciente das possíveis acusações de encabeçar um esquema de pirâmide financeira, Trump registrou os domínios TrumpNetworkPyramidScheme.com,  TrumpNetworkFraud.com e outros 17 endereços similares.

No âmbito corporativo, Trump tomou medidas similares em relação à Trump University, a instituição de ensino do magnata que é acusada de se passar por uma universidade sem oferecer diploma de nível superior. Levantamento da CNN Money, há 157 domínios registrados para “blindar” o negócio, como 98percentApproval.com, em referência ao argumento de que a escola era aprovada por 98% de seus estudantes.

A mesma estratégia foi adotada na carreira política do republicano. Ainda em 2012, as Organizações Trump comparam VoteAgainstTrump.com, TrumpMustGo.com e NoMoreTrump.com, domínios com as frases “Vote contra Trump”, “Trump deve ir embora” e “Chega de Trump. Endereços com o slogan usado na campanha presidencial, MakeAmericaGreatAgain.vote and MakeAmericaGreatAgain.us, foram registrados em abril de 2015, dois meses antes do lançamento oficial da campanha.

Segundo a reportagem, dos 3.643 websites ligados às Organizações Trump, apenas 50 de fato são páginas de empreendimentos do empresário. Outros 400 redirecionam os internautas para páginas ativas. A imensa maioria é apenas de páginas em branco, evidenciando o interesse do grupo empresarial em deter o domínio para evitar que fosse utilizado por outras pessoas.

Procuradas, as assessorias da Casa Branca e das Organizações Trump não responderam aos questionamentos da CNN Money.