Política

Cunha não tem mais condições morais e políticas de continuar, diz FHC

Aécio Neves também defendeu a saída de Cunha: "o presidente da Câmara não tem mais condições de conduzir a Câmara dos Deputados"

(Agência Brasil)

SÃO PAULO – Durante evento realizado em São Paulo nesta segunda-feira (23), o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso defendeu a renúncia do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), acusado pelo Ministério Público de envolvimento no esquema de corrupção da Petrobras e que está sendo investigado pela Operação Lava Jato.

“O presidente da Câmara não tem mais condições morais e políticas de continuar exercendo o cargo. Se ele tivesse um pouco mais de visão de Brasil ele renunciaria. Não tendo, vai ter que ser renunciado”, afirmou o tucano.

Outro integrante do partido que estava no evento foi o senador Aécio Neves, presidente do PSDB, que afirmou que a legenda avalia em conjunto com outros partidos quais medidas serão adotadas para afastar Eduardo Cunha do comando da Casa. “O presidente da Câmara não tem mais condições de conduzir a Câmara dos Deputados”, afirmou.

PUBLICIDADE