Congresso dos EUA acusa Fed de esconder informações sobre venda da Merrill Lynch

Darrell Issa alega que BC pode ter omitido detalhes pertinentes sobre operação com Bank of America; Bernanke irá depor

SÃO PAULO – O Federal Reserve tentou encobrir detalhes sobre a aquisição da Merrill Lynch pelo Bank of America, acusou o congressista Darrell Issa. Segundo o membro do partido Republicano, o órgão pode ter ocultado informações relevantes antes da operação.

Em matéria divulgada pela Reuters nesta quinta-feira (25), o político afirmou que o BC tentou encobrir “deliberadamente” alguns detalhes sobre a situação financeira do banco, escondendo informações de agências regulatórias.

A porta-voz do Fed, Michelle Smith, comentou o caso na última quarta-feira, e lembrou a carta enviada pelo presidente do Banco Central, Ben Bernanke, ao democrata Dennis Kucinich, no dia 30 de abril.

PUBLICIDADE

No documento, o presidente reitera sua posição de não ter escondido nenhum detalhe sobre a compra, nem ter pedido ao CEO (Chief Executive Officer) do Bank of America para reter informações decisivas sobre a Merrill Lynch.

Depoimento

Diante de tantos rumores, foi instaurado um comitê que investigará o caso, liderado pelo democrata Edolphus Towns, de Nova York. O político disse que Ben Bernanke deverá depor na quinta-feira, assim como posteriormente fará o antigo secretário do Tesouro, Henry Paulson.

“Eu não foi fazer nenhum prejulgamento em relação ao caso. Nós não estamos nem perto de concluir a investigação a respeito da venda da Merrill Lynch para o Bank of America”, informou em nota o presidente do comitê.