Comissão do impeachment

Confira os 21 nomes da Comissão do Senado que vai analisar o impeachment de Dilma

Bloco de apoio ao governo indica titulares à comissão de impeachment no Senado; com isso, já está completa a lista de titulares para a análise da matéria

O bloco de apoio ao governo indicou hoje (22), como integrantes titulares na comissão do Senado destinada à analise do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff, os senadores Lindbergh Farias (PT-RJ), José Pimentel (PT-CE), Gleisi Hoffmann (PT-PR) e Telmário Mota (PDT-RR). Com isso, já está completa a lista de titulares para a análise da matéria.

O bloco Socialismo e Democracia (PSB, PPS, PCdoB e REDE) também apresentou sua indicação e terá como titulares da comissão os senadores Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE), Romário (PSB-RJ) e Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM). Já o bloco Democracia Progressista, composto por PP e PSD, indicou como titulares José Medeiros (PSD-MT), Ana Amélia (PP-RS) e Gladson Camelli (PP-AC).

Formado por PSDB, DEM e PV, o bloco da Oposição indicou os senadores Aloysio Nunes (PSDB-SP), Antônio Anastasia (PSDB-MG), Cássio Cunha Lima (PSDB-PB) e Ronaldo Caiado (DEM-GO). Já o bloco Moderador (PTB, PR, PSC, PRB e PTC) indicou os senadores Wellington Fagundes (PR-MT) e Zezé Perrela (PTB-MG).

PUBLICIDADE

Com a maior bancada no Senado e sem integrar um de bloco, o PMDB indicou cinco senadores: Raimundo Lira (PB), Rose de Freitas (ES), Simone Tebet (MS), José Maranhão (PB) e Waldemir Moka (MS).

Aprovada a comissão, caberá ao senador mais velho — José Maranhão  — convocar a primeira reunião, na qual serão eleitos o presidente e o relator. O PMDB, por ser a maior bancada no Senado, tem o direito de escolher o presidente. Segundo o líder da legenda, Eunício Oliveira (CE), Raimundo Lira (PMDB-PB) é o indicado. 

O senador Raimundo Lira assegurou também que, se eleito presidente, vai conduzir os trabalhos da comissão de forma isenta. Explicou que, no momento em que aceitou a indicação para a presidência, assumiu uma postura suprapartidária.

 

Veja os nomes:

Comissão terá 21 senadores titulares e o mesmo número de suplentes

Bloco

Número de vagas*

Titulares

Suplentes

PMDB

5

– Raimundo Lira 
(PB)

– Rose de Freitas 
(ES)

– Simone Tebet 
(MS)

– José Maranhão
(PB)

– Waldemir Moka 
(MS)

– Hélio José 
(DF)

– Marta Suplicy 
(SP)

– Garibaldi Alves Filho
(RN)

– João Alberto Souza 
(MA)

– Dário Berger 
(SC)

Bloco Parlamentar da Oposição 
(PSDB-DEM-PV)
4

 

 

– Aloysio Nunes Ferreira 
(SP)

– Antonio Anastasia
(MG)

– Cássio Cunha Lima 
(PB)

– Ronaldo Caiado
(GO)

– Tasso Jereissati 
(CE)

– Ricardo Ferraço 
(ES)

– Paulo Bauer 
(SC)

 

– Davi Alcolumbre 
(AP)

Bloco de Apoio ao Governo (PT-PDT)

4

 

 

– Gleisi Hoffmann
(PR)

– Lindbergh Farias
(RJ)

– José Pimentel 
(CE)

– Telmário Mota 
(RR)

– Humberto Costa 
(PE)

– Fátima Bezerra 
(RN)

– Acir Gurgacz 
(RO)

– João Capiberibe 
(AP)
{vaga cedida ao Bloco Parlamentar Socialismo e Democracia}

Bloco Parlamentar Socialismo e Democracia
(PSB-PPS-PCDOB-REDE)

3

 

PUBLICIDADE

 

– Fernando Bezerra Coelho 
(PE)

– Romário
(RJ)

– Vanessa Grazziotin 
(AM)

– Roberto Rocha 
(MA)

– Randolfe Rodrigues 
(AP)

– Cristovam Buarque 
(DF)

Bloco Parlamentar Democracia Progressista (PP-PSD) 

3

 

 

– Ana Amélia 

(RS)

– José Medeiros (MT)

– Gladson Cameli (AC)

– Sérgio Petecão 
(AC)

– Wilder Morais 
(GO)

– Otto Alencar 
(BA)

Bloco Moderador
(PTB-PR-PSC-PRB-PTC)

2

– Wellington Fagundes 
(MT)

– Zezé Perrella 
(MG)

– Eduardo Amorim 
(SE)

– Magno Malta 
(ES)

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

 

(Com Agência Senado e Agência Brasil)

Veja também

Especiais InfoMoney:

Carteira InfoMoney rende 17% no 1º trimestre; CLIQUE AQUI e baixe!

PUBLICIDADE

Trader que perdeu R$ 285.000 com Telebras conta como deu a volta por cima

André Moraes diz o que gostaria de ter aprendido logo que começou na Bolsa