Em São Paulo

Com rejeição em 47%, Haddad se afasta da Prefeitura por 5 dias; Nádia Campeão assume

A folga do prefeito, que vai até a próxima sexta-feira, coincide com o momento de mais baixa popularidade de seu governo

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Para muitos paulistanos, a mudança no comando da Prefeitura passou despercebida nesta segunda-feira (21), data que marcou o início do período de afastamento de Fernando Haddad por motivos particulares e a ocupação interina do cargo pela vice Nádia Campeão (PCdoB) – a segunda desde que assumiu o comando da cidade de São Paulo, em janeiro do ano passado.

A folga do prefeito, que vai até a próxima sexta-feira (25), coincide com o momento de mais baixa popularidade de seu governo. Segundo dados divulgados pelo Datafolha no sábado, a gestão de Haddad agora é reprovada por 47% dos paulistanos, contra 36% de avaliações nas categorias “ruim” ou “péssimo” em junho.

Para Campeão, vice-prefeita que ocupa o cargo de Haddad interinamente nesta semana, os dados surpreendem – sua hipótese é que a atual política de priorização do transporte coletivo em detrimento ao individual colaborou para a redução da aprovação da gestão atual. Desconhecida por muitos paulistanos, Campeão é formada em engenharia agrônoma pela USP (Universidade de São Paulo) e membro de seu atual partido há mais de três décadas.

Aprenda a investir na bolsa

Esta é a segunda folga tirada por Haddad em seu mandato. A primeira foi em outubro do ano passado, dez meses após assumir a Prefeitura, quando foi à Europa comemorar o aniversário de casamento com sua esposa, Ana Estela Haddad.