Eleições

Com PT dividido, Lula prepara manifesto para lançamento de candidatura à presidência

Segundo a coluna Painel, do jornal Folha de S.Paulo, o líder petista deve aproveitar trechos da Carta ao Povo Brasileiro que discutia com aliados antes de ser preso

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – Preso na sede da Polícia Federal de Curitiba (PR) há mais de um mês, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva está escrevendo um manifesto que será apresentado pelo PT nos atos de lançamento de sua candidatura ao Palácio do Planalto. Segundo a coluna Painel, do jornal Folha de S.Paulo, o líder petista deve aproveitar trechos da Carta ao Povo Brasileiro que discutia com aliados antes de ser preso.

Quer saber mais sobre o cenário político e como se aproveitar dele? Conheça o Mapa Político

Lula cumpre pena desde 7 de abril, quando se entregou à PF após ter recursos negados pelo TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região). Em janeiro, o ex-presidente foi condenado, por unanimidade entre os três desembargadores da 8ª turma do Tribunal, a 12 anos e um mês de prisão pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

PUBLICIDADE

Desde sua prisão, a possibilidade da candidatura de Lula ser autorizada pela Justiça Eleitoral é considerada cada vez menor. Com isso, o PT tem sofrido com disputas internas. De um lado, dirigentes do partido pregam pela insistência da candidatura do ex-presidente, com o uso de recursos ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral), levando uma definição para mais próximo da eleição. Outra ala mais pragmática do partido quer discutir um “plano B”, sendo uma das alternativas o apoio ao ex-governador do Ceará Ciro Gomes (PDT).

Pesquisa Datafolha realizada em abril mostra Lula na dianteira da corrida presidencial nos cenários em que sua candidatura é considerada. O ex-presidente tem entre 30% e 31% das intenções de voto, dependendo da situação avaliada. Situação similar é apresentada pelo levantamento CNT/MDA, divulgado nesta segunda-feira. Nesta pesquisa, Lula tem 32,4% das intenções de voto no único cenário em que sua candidatura é considerada. Nas situações de segundo turno, ele vence todos os adversários avaliados.

Quer saber mais sobre o cenário político e como se aproveitar dele? Conheça o Mapa Político