STOCK PICKERS AO VIVO Fernando Fontoura, da Persevera Asset, e Betina Roxo, estrategista chefe na Rico, contam o que esperar da temporada de resultados

Fernando Fontoura, da Persevera Asset, e Betina Roxo, estrategista chefe na Rico, contam o que esperar da temporada de resultados

CNT/Sensus: vantagem de Lula sobre Alckmin recua 5,5 pontos percentuais

No primeiro turno das eleições, Lula aparece com 44,1% das intenções de voto, enquanto Alckmin tem 27,2%

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – A vantagem do candidato a reeleição Luiz Inácio Lula da Silva nas eleições presidenciais segue elevada. No entanto, em linha com os números da última pesquisa Datafolha, a diferença em relação ao segundo colocado, o tucano Geraldo Alckmin, mostrou recuo, conforme os dados da pesquisa CNT/Sensus revelados nesta manhã.

A diferença entre Lula e Alckmin passou de 22,4 para 16,9 pontos percentuais. Apesar da redução, a pesquisa mostrou que se a eleição fosse hoje o candidato petista teria 44,1% das intenções de voto, enquanto Alckmin 27,2%. Na última pesquisa, realizado entre 18 e 21 de maio, estes percentuais estavam em respectivamente 42,7 e 20,3%.

Segundo turno: vantagem de Lula também recua

Em um eventual segundo turno, Lula também aparece como favorito, mas a vantagem recuou. Em maio, a sondagem mostrou que o presidente se reelegeria com uma vantagem de 17,5 pontos percentuais. No estudo publicado nesta manhã, esta vantagem recuou para 12,8 pontos percentuais.

Aprenda a investir na bolsa

Segundo o instituto Sensus, 48,6% dos entrevistados disseram que votariam em Lula em um eventual segundo turno, enquanto 35,8% apontaram Alckmin como o preferido. Na pesquisa realizada em maio, estes percentuais estavam em 48,8% e 31,3%.

A Pesquisa CNT/Sensus ouviu duas mil pessoas, no período de 4 a 6 de julho de 2006, em 24 estados das cinco regiões brasileiras.