Lista de Janot

Citado na Lava Jato, vice-governador da Bahia diz que está “cagando e andando”

João Leão afirmou ser inocente e não saber o porquê de ter sido citado na lista de Janot

SÃO PAULO – Após ter seu nome citado na lista de políticos com envolvimento no esquema de corrupção investigado pela Operação Lava Jato, o vice-governador da Bahia, João Felipe de Souza Leão (PP), disse estar “cagando e andando, em bom português, na cabeça desses cornos todos”. 

O vice-governador também afirmou não saber por que teve seu nome citado na lista entregue pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, ao STF (Supremo Tribunal Federal) e divulgada ontem à noite após a quebra do sigilo realizada pelo ministro Teori Zavascki. 

Leão afirma que irá a Brasília na segunda-feira (9) para saber os motivos pelos quais teve seu nome ligado ao esquema. 

PUBLICIDADE

Em seu perfil oficial do Facebook, o vice-governador amenizou o tom e publicou uma nota na qual afirma ser inocente. “Tenho a mais absoluta certeza de que a verdade vai aparecer e todos os fatos serão esclarecidos de forma transparente”, diz o texto.

Leia a íntegra da nota oficial divulgada no perfil das redes sociais de João Leão:

Nota Oficial

“Vou provar minha inocência”, afirma Leão

Ao longo de 28 anos de vida pública, posso afirmar que este é um dos momentos mais espinhosos. Estou triste, estou surpreso e ao mesmo tempo forte para iniciar esta luta: sou inocente e vou provar. Eu acredito em Deus e na Justiça. Tenho a mais absoluta certeza de que a verdade vai aparecer e todos os fatos serão esclarecidos de forma transparente. De que cabeça erguida, com o apoio dos amigos, da família e do povo, continuarei trabalhando em defesa da Bahia e do Brasil.