Análise

Ciro Gomes, na sabatina do Jornal Nacional, parece ter saído melhor que entrou

O JN, em termos de audiência, é muito maior que os dois primeiros debates presidenciais somados

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O candidato teve um começo complicado, já que a pauta era apoio a Lava Jato, e ele é autor de diversas frases polêmicas sobre a operação. Depois, teve contestada a sua intenção de nomear para o governo “no cargo que ele escolher” o presidente do PDT, Carlos Lupi. Quando informado sobre processos contra Lupi, Ciro não teve resposta contundente sobre o assunto.

Quando ficou livre para falar, Ciro acabou por equilibrar o jogo. Assim foi no tema “limpar nome do SPC”, que ele defendeu e apresentou uma espécie de plano. 

Ciro tomou cuidados políticos e defendeu o governo Lula, de quem ele espera herdar votos. O candidato foi muito taxativo ao dizer que seus inimigos serão os “bancos e os rentistas”.

Aprenda a investir na bolsa

Terá Ciro ganhado votos? Se sim, foram poucos. Mas é inegável que sobreviver a esta primeira apresentação de massas é fundamental para qualquer candidato. O JN, em termos de audiência, é muito maior que os dois primeiros debates presidenciais somados. Ir mal sim cobraria um preço mais evidente.  

Leia também: Ciro Gomes diz no JN que “Lula não é satanás nem Deus” e defende aliança com Kátia Abreu

Hoje teremos Jair Bolsonaro na bancada. Pelo espírito dos entrevistadores William Bonner e da Renata Vasconcelos é razoável esperarmos um debate duro, com perguntas diretas e polêmicas. 

Quer proteger seus investimentos das incertezas das eleições? Clique aqui e abra sua conta na XP Investimentos