Disputa na esquerda

Ciro Gomes confirma pré-candidatura à Presidência, mas diz que Lula impede seu crescimento

Ciro afirmou que a situação do petista levará ele a ser o nome da esquerda na disputa eleitoral de outubro

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – O PDT lançou na noite desta quinta-feira (8) a pré-candidatura do ex-governador do Ceará Ciro Gomes à Presidência da República. Em seu discurso, ele admitiu que sua candidatura não cresce em razão do nome do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Por outro lado, Ciro afirmou que a situação do petista diante das denúncias e sua condenação no caso do triplex, o que ele chamou de injustiça, levará ele a ser o nome da esquerda na disputa eleitoral de outubro.

Além disso, o político fez uma rápida análise da situação e disse que a disputa irá “afunilar para cinco candidatos”. Neste cenário, ele se vê junto com Lula no campo progressista e de centro-esquerda, a ex-ministra Marina Silva num campo isolado enquanto a direita teria uma “confusão engraçada”, com o deputado Jair Bolsonaro e o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin.

PUBLICIDADE

Quer investir em ações pagando só R$ 0,80 de corretagem? Clique aqui e abra sua conta na Clear