Ciro deixa candidatura à presidência e afirma que Lula “navega na maionese”

Após reunião, cúpula do PSB decidiu que o deputado não disputará mais eleições; Ciro critica defesa de Lula a Dilma

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – Terminada a reunião da cúpula do PSB (Partido Socialista Brasileiro) na última sessão, a decisão é que o deputado federal Ciro Gomes não disputará a Presidência da República nas eleições programas para outubro deste ano.

As reações do parlamentar à decisão pela retirada de sua pré-candidatura envolveram comentários sobre o comportamento do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e sua defesa pela candidatura da ex-ministra petista Dilma Rousseff.

Em entrevista ao portal iG, Ciro afirmou que Lula “navega na maionese” e ainda que “ele está se sentindo o Todo-Poderoso e acha que vai batizar Dilma presidente da República”. As declarações do deputado refletem sua insatisfação quanto às interferências de Lula na decisão final da cúpula do PSB.

PUBLICIDADE

Ciro ainda afirmou que sua presença na disputa presidencial deste ano seria uma “missão estratégica”. Ele acredita que, caso fosse candidato, traria à tona pautas que não serão abordadas pelos outros presidenciáveis.

Depois
Agora, Ciro aguardará a confirmação, a partir do próximo dia 27, da retirada de sua candidatura, e, depois, poderá abandonar a vida política para viajar ou “virar intelectual”, afirmou ainda em entrevista ao portal iG.