Chilenos consideram estranha candidatura de Fujimori ao senado japonês

Para eles, Fujimori, que foi extraditado para o Chile, deve voltar ao Peru o mais rápido possível

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Conforme divulgou o portal latino americano da agência Ansa, 59% dos chilenos consideram estranho que o ex-presidente peruano, Alberto Fujimori, possa se apresentar como candidato ao Senado japonês. Esses chilenos pedem para mandá-lo de volta ao Peru o mais rápido possível.

No entanto, 18% dos entrevistados aprovam a candidatura de Fujimori ao Senado do Japão, caso ele deixe o Chile, para onde foi extraditado. Dos entrevistados, 10% acreditam que a candidatura seja uma saída digna e diz que, se ele conseguir, vão exaltar a decisão.

Opinião pública

Para 7% dos entrevistados, Fujimori, cuja extradição foi solicitada por Lima, não vai conseguir apoio do Japão e não conseguirá ser eleito.

Aprenda a investir na bolsa

Com menor representatividade, cerca de 6% dos entrevistados afirmaram que Fujimori ‘está em seu direito’ de ser candidato no Japão e opinam que é melhor que o ex-presidente recomece sua vida por lá.

Fujimori, que também tem nacionalidade japonesa, pode ser o primeiro líder de outro país a se candidatar às eleições japonesas.